domingo, 25 de novembro de 2012

Momento tiete : Rita Hayworth e Jane Russell


Homenageando duas personalidades que para mim eram o 'most'.

Rita Hayworth ...




















Nome verdadeiro: Margarita Carmen Cansino 

17 /10/ 1918, Brooklyn, New York City, New York, USA à

14/05/ 1987, New York City, New York, USA (de Mal de Alzheimer)

Biografia


 Rita impecável em ' GILDA'



...e Jane Russell

Nome verdadeiro: Ernestine Jane Geraldine Russell
21/06/1921 em Bemidji (estado americano de Minnesota) à 28/02/2011
Foi descoberta quando trabalhava como recepcionista em um consultório dentário e se tornou um controverso símbolo sexual mais provocador de Hollywood nos anos 40 e 50. morreu na Califórnia aos 89 anos de problemas respiratórios . (Fontes: Wikipédia e G1)
Biography






quinta-feira, 22 de novembro de 2012

Molho de Alcaparras e Mostarda 'Dijon' para saladas e grelhados ;)


Molho de Alcaparras e Mostarda Dijon Original Maille

ingredientes

  • ½ xícara de azeite
  • 10 dentes de alho
  • 4 colheres de sopa de vinho branco
  • 2 Colheres de sopa de mostarda Dijon Original Maille
  • 1 colher de sopa de alcaparras
  • 2 colheres de salsinha picada.

modo de preparo

Bata no liquidificador: azeite, alho, vinho, a mostarda Maille e o sal.
Transfira para uma tijela.
Misture as alcaparras e a salsinha.
Sirve quente sobre a carne ou bife de figado.




Fontes:

http://www.minhasreceitasmaille.com.br e YouTube

quarta-feira, 21 de novembro de 2012

Dicas de sobrevivência na época de Natal =)


Festejar é comigo 'merma'...rss, sou uma apaixonada por celebrações, todas. Adoro entrar no clima, arriscar receitas, enfeitar a casa, receber família...pois é, sou família e acho que até me considerariam mulher pra casar, mas não exagere. Homem morando comigo sim, marido não, a diferença? Meramente psicológica meus amores, em meu ponto de vista,quando entra papel brocha a relação. È isso, um homem para chamar de 'meu', não de marido e 'vice-versa', é como ser a mulher e a outra ao 'mermo' tempo, sacou? Não?...rss Tudo bem, deixa pra lá, como o papo aqui é festa e voltando ao assunto, já entrei em clima de Natal e lembrei que é uma época em que colocamos o pé  na jaca e em todos os sentidos...rss Um desses perigos é na saúde do corpo,por dentro e por fora.Tanto  futilmente se falando, na estética; quanto a mais importante, na do organismo. 'Intonce' vamos lá :
*Dicas para sobrevivência na época de Natal: ( Conforme a medicina chinesa)
  • Exercício físico uma hora por dia. Exercício para queimar calorias, nesta época do ano, aliviar o stress e elevar o nível de endorfinas. Caminhada rápida, jogging ou passeio de bicicleta são excelentes.
  • Evite comer muita gordura. Comer quantidades moderadas de gordura, durante a época de Natal, vai saciar o apetite e evitar excesso de hidratos de carbono. 35-65 gramas de gorduras por dia serão suficientes para a maior parte das pessoas.
  • Não salte refeições. A fome e falta de glicose no sangue levam a excessos.
  • Consumo moderado é chave. Não deixe de comer as suas comidas favoritas nem se prive completamente, mas pouco.
  • Não corra riscos desnecessários. Não mantenha alimentos tentadores em casa. Se os tiver, aumenta com certeza a probabilidade de comer demais.
  • Planeie as refeições mantendo presentes os compromissos e exigências agendadas para cada dia. 
  • Não vá para uma festa com fome. Antes de sair de casa, coma qualquer coisa leve ou beba um batido proteico. Beba muita água no dia da festa.
  • Não fique muito tempo junto à zona do buffet. Nos eventos tome a decisão firme de se distanciar das guloseimas
  • As bebidas alcoólicas têm imensas calorias. Se tiver de beber álcool, opte por uma cerveja ou champagne leves.
  • Se se sentir deprimida, acalme o espírito com uma massagem, sessão de manicura ou com um tratamento de rosto. Os homens também podem desfrutar deste truque.
  • Quando for às compras, coma antes de sair de casa para depois não fazer paragens para comer bolinhos.
  • Para os doces, estabeleça limites. Por exemplo, decida que come sobremesa duas vezes por semana, 250 calorias cada.
  • Só porque é Natal não significa que pode comer tudo o que lhe aparece pela frente. Faça a gestão dos pequenos extras na sua alimentação diária
  • Guarde as gorduras e calorias para as horas de festa. Entretanto, coma arroz selvagem, batata-doce, cereais integrais…
  • Se estiver com família ou amigos, peça-lhes um espacinho no frigorífico e tenha alimentos à mão para fazer um snack, tais como carnes magras, vegetais, queijos pouco gordos, etc.
  • Se tem tendência para comer demais nos almoços, visualize e planeie o quê e quanto vai comer antes de ir.
  • Se realmente quiser manter-se fiel a si próprio – com o mesmo peso - durante a época de Natal vista as suas jeans mais justinhas. Outro truque é atar um cordel ou fita à volta da cintura, por baixo da blusa.
  • Se está à mercê do anfitrião do jantar, coma pequenas quantidades das comidas oferecidas e sirva-se de mais fibras e menos calorias. Faça um prato pequeno e não repita
  • Faça um momento de reflexão ou meditação pelo menos uma vez por dia. Respire profundamente e limpe a sua mente de toda a confusão.
  • Coma tudo o que quiser no dia de Natal. Mas só nesse dia. Se comer demais, volte ao seu plano regular no dia seguinte.
  • Aproveite a época de natal e não apenas a comida!



FONTE: Guia sobrevivência para comidas na época Natal > Medicina Chinesa
in Clínica Meihua - Medicina Chinesa
Tudo sobre a Clínica Meihua - Especialistas em Medicina Chinesa

IMG: GOOGLE

A Árvore da Vida - Trailer legendado

Recebi essa dica como um dos filmes obrigatórios para fotógrafos assistirem e me apaixonei. Além da belíssima fotografia e atores renomados como Brad Pitt e Sean Penn, o filme vale pelos questionamentos e trama familiar. Repassando a dica pra vocês ;) Trailler:

quarta-feira, 17 de outubro de 2012

Aprenda a fazer a famosa trança "espinha de peixe":

Enciclopédia do chá

                                                           Enciclopédia do chá

                                               Img: google

Estou ótima: Como sobreviver a um fora


Esbarrei na net e trouxe para divulgar aqui. Quem não já não passou por isso? eu mesma já passei por umas e outras em que levei e dei também que ninguém é de ferro...rss, aliás, uma delas é coisa de novela, o carinha barraria a personagem 'Nina'/'Rita' do folhetim global 'Av. Brasil', esperou quase VINTE anos ou mais, depois de não sei quantos casamentos e sem se importar de pôr um par de 'chifres' na namorada, só para  me dar um troco...rss e sou moça doce, imagina como ele ficaria no caso de uma Carminha...rsrs... Pior são as ironias da vida, fui saber depois que essa minha novela virou comédia e eu, também vingada...rs; quem sabe um dia ponho no outro blog , o'Alma Andarilha' que tem uns textos, mas sem nomes óbvio ;) Hoje sou amiga dele como de outros amigos, nunca fui de guardar mágoas, isso envelhece #ficadica
Brincadeiras à parte e voltando ao que interessa, muitas mulheres tratam essas estórias assim como eu, tipo: 'dói , mas tem que passar', como episódios que podem virar um dia motivos de riso, mas muitas não superam, encaram um divã e até por anos a fio;outras chegam a guardar ódio, medos e inseguranças. Mas, ninguém gosta de levar um fora, o problema é como a coisa desenrola, veja  o caso do tal carinha...rss. Achei muito legal essa dica de descontração pra quem se recupera desses foras e quem sabe, não encoraja a precipitar a volta por cima em bom estilo.Só tinha que ter em versão masculina também, para a mulherada dar parar os homens...rs ;)
'Entonce' vamos lá, repassando direto da fonte da editora =)



"...o grande amor da sua vida não lhe quer mais. Você levou um fora da pessoa que mais importa para você. É o fim do romance dos seus sonhos, da perfeita vida a dois como você sempre imaginou... A pessoa que você (ainda) ama, a sua alma gêmea, a outra metade da laranja acaba de lhe dar um grande pé na b...
E agora? Fazer o quê?
O que você disse de errado? O que você fez de errado? O que você TEM de errado?
Calma. Pra que desesperar? É hora de aproveitar algumas das preciosas dicas de Mandana Hoveyda, uma verdadeira expert no assunto. No livro Estou ótima, ela ensina, de maneira nem um pouco politicamente correta e sempre com muito bom humor, a como sobreviver (e bem!) a uma tremenda dispensada dessas. Num curso prático de 100 lições, deliciosamente ilustradas pela própria autora, divertidas dicas de como superar o trauma nos 100 primeiros dias.
Se você "foi deixada sozinha em uma mesa com dois chopes e sem planos", se você vive num mundo onde é "perfeitamente possível perder sete quilos em uma semana e ganhar oito na seguinte", se você quer "tirar maus pensamentos da sua mente e o seu corpo do sofá", saiba que o seu mal tem cura! Você pode libertar-se e seguir as dicas cheias de ironia de Estou ótima, como por exemplo:
  1. "Levante-se e vá trabalhar."
  2. "Viaje. Se for possível, vá visitar os seus pais. (...) eles vão te deixar tão enlouquecida (...) que você vai começar a sentir alguma coisa além daquela depressão."
  3. "Hora de se voltar para uma ordem superior: livros de auto-ajuda".
  4. "Pare de prestar atenção em letras de música. Especialmente em canções de amor. (...) Tente música techno – não tem letras."
  5. "Vá às compras. Não existe nada mais reconfortante do que um extravagante vestido rosa-choque que você nunca vai usar, mas que te deixa linda."
  6. "Agora é a vez dos sapatos. Compre um par bem sexy, incrivelmente alto, e impossível de andar. Lembre que nessas horas dinheiro não é problema. Até as companhias de cartão de crédito entendem isso."
  7. "Visite um museu. Museus fazem a gente se sentir incrivelmente culta e inteligente."
  8. "Ligue para uma vidente. Flertar com o mundo intelectual é ótimo, mas às vezes uma garota só precisa de alguém que lhe diga que ela é melhor que o ex e que a sua carreira está prestes a deslanchar."
  9. "Alugue um documentário. É o equivalente a uma aula de história da arte, versão Blockbuster."
  10. "Ligue para uma amiga em comum e diga o quanto você está bem. A notícia vai chegar até ele, não se preocupe"
  11. "Faça aula de teatro. Você vai esbarrar com ele mais cedo ou mais tarde, então é melhor aprender a fingir indiferença."
  12. "Pratique ioga. Se torcer como um pano de chão funciona maravilhosamente bem para clarear a cabeça."
  13. "Ouvi falar que algumas pessoas malham pra burro depois do fim do namoro. Eu não. Prefiro ficar sentada me sentindo péssima até que todos parem de dizer que têm pena de mim e comecem a comentar como engordei."
  14. "Inscreva-se num curso de degustação de vinhos. Não, esta não é uma maneira apelativa de conhecer homens solteiros. É uma maneira socialmente aceita de se embebedar numa segunda-feira à noite."
  15. "Entre na Internet e procure pessoas que se identifiquem com você. Acredite, elas estão por lá, a web está lotada de pessoas com dor de cotovelo."
  16. "Adquira gosto por bebidas fortes. E lembre-se: se não tiver uma cor amarelada não presta."
  17. "Somos mulheres fortes que se recusam a ser mantidas como reféns emocionais. (...) E no próximo relacionamento, recolheremos unhas cortadas, fios de cabelo e pedacinhos da pele descascada dele para um boneco de vodu. Só para garantir".

 Para quem quer saber mais algumas informações do livro:
Editora= Jaboticaba
Páginas= 208
Lançamento= 2005
Categoria= Biografias
Versão= 1ª edição



sábado, 13 de outubro de 2012

quarta-feira, 10 de outubro de 2012

Receitas para um miojo incrementado de fim de semana

Pensei logo naqueles findis que nao temos a menor vontade de ir pra cozinha ;)


img:net

reprodução
Em 1965, a produção e a venda da marca "Miojo" teve início na cidade de São Paulo.
'Em 1958,  o taiwanês chamado Momofuku Ando inventou um dos pratos mais famosos do mundo: o macarrão instantâneo, vulgo “miojo”.
Naturalizado no Japão, Ando foi responsável por fundar a empresa Nissin Food Products e lançar o primeiro lámen considerado de “luxo”, “Chikin Ramen”. Desde então, a marca se popularizou e hoje já existem muitas receitas com variações da refeição.
Recentemente, foi anunciado o lançamento do livro “Meu Miojo – Receitas e Histórias”, com a contribuição “culinarística” de 14 chefs, entre eles Carlos Ribeiro (Na Cozinha) e Morena Leite (Capim Santo). A publicação estará disponível para compra a partir de 25 de agosto na Livraria Cultura do Conjunto Nacional.

Nissin Lámen sabor Legumes com Brócolis e Queijo Branco

Ingredientes
1 pacote de Nissin Lámen Legumes
1 xícara (chá) de brócolis cozidos e temperados
0,5 xícara (chá) de queijo branco, em cubos
1 colher (sopa) de alho grelhado
1 colher (sopa) de tomate, picado
1 colher (café) de azeite
Modo de preparo
Prepare o Nissin Lámen sabor Legumes, conforme as instruções da embalagem.
Depois de pronto, acrescente os outros ingredientes e sirva em seguida.
Outras receitas no SITE

quinta-feira, 4 de outubro de 2012

Como fazer um castiçal para velas em mosaico estilo marroquino




Castiçal de mosaico em estilo marroquinho

Pessoas queridas, mais uma vez aliei o mosaico à reutilização. 

Material para fazer um castiçal de mosaico
Há muito tempo guardei esta peça de madeira, que era de minha mãe. Ela possui dois círculos vazados, e eu achei interessante.
Um belo dia, olhando para uns vidros de patê, tive a idéia de fazer um suporte para velas. Para noooossa alegria, os vidrinhos couberam perfeitamente nos vãos.
Separei tudo e deixei no canto de coisas que farei um dia, e por lá estas peças ficaram, até a semana passada!

Para este mosaico, pensei em pastilhas mais translúcidas. Com as velas acesas, o efeito fica maravilhoso!
Ganhei muitas pastilhas madrepérola de uma amiga. Elas são lindas e super transparentes. Resolvi utilizá-las, já pensando no efeito final. Tive que segurar minha ansiedade!

Como estas pastilhas são menores que as que geralmente uso, medindo 15 x 15 mm (as que uso medem 20 x 20 mm), resolvi trabalhar com elas inteiras.
Se você for usar pastilhas maiores, corte-as em 4 quadradinhos.
Pastilhas de tamanhos diferentes devem ser ajustadas

Eles não precisam ficar iguais. Se preferir, você pode trabalhar com cacos irregulares. Tudo depende de seu gosto e do resultado que deseja alcançar.
Para aprender o modo certo de cortar pastilhas de vidro, clique AQUI e assista ao meu vídeo.
O mosaico que ensinarei hoje serve para qualquer tipo de vidro. Você pode fazer em copos de requeijão, garrafas e em outras peças. Os copos de vidro podem virar porta-velas ou porta trecos, por exemplo. Tudo depende de sua necessidade e inspiração.
As garrafas guardadas podem transformar-se em lindos vasos. São infinitas possibilidades.
Nos mosaicos feitos em vidro, utilizaremos o silicone para colar as pastilhas. E por que não a cola?
A cola não segura as pastilhas em superfícies verticais. Elas escorregam. O silicone segura. Em superfícies horizontais, você pode utilizar a cola branca para colar as pastilhas no vidro, mas ela demora bem mais para secar. O silicone seca bem mais rápido, e não há perigo de as pastilhas saírem do lugar.
Eu utilizo o silicone da Tekbond, que é perfeito, mas há outras marcas no mercado, é só pesquisar em lojas de artesanato e de materiais para construção.

Aplique silicone no vidro
Eu apliquei uma gota de silicone na pastilha e colei no vidro, mas logo percebi que era possível fazer uma linha com o silicone e colar mais pastilhas. Assim, otimizei meu tempo.
Não exagere no silicone, senão ele vaza e fica uma meleca. 
Sempre faça o mosaico alinhado às bordas da peça.Cole a linha de pastilhas alinhada
Fiz o mosaico em linhas
Fiz o mosaico por fileiras, pois decidi usar pastilhas retas.
Se o mosaico fosse feito com cacos, poderia passar o silicone em partes do vidro e colar as peças aos poucos, como expliquei no post do porta-chaves. Clique para relembrar.
Se, quando você pressionar as pastilhas no vidro, o silicone vazar, retire o excesso com um clips, para que este silicone não preencha o espaço que será coberto com o rejunte.
Se você deixar excesso de silicone, o rejunte não penetrará nos vãos, e o trabalho ficará mal acabado.
Depois de pronto o mosaico, espere secar por 24 horas.
Limpe o excesso de silicone
No dia seguinte aplique rejunteNo dia seguinte aplique o rejunte. 
Preencha os vãos da borda com o dedo.Preencha os vãos da borda
Repita no fundo do vidroRepita na parte de baixo do vidro. 
Limpe com a estopa logo em seguida. Não espere muito, pois depois fica mais difícil de limpar. Limpe o excesso de rejunte com uma estopa

Depois de bem seco vem a aplicação de verniz acrílico, lembrando que ele deve ficar apenas no rejunte. Ele deve ser retirado das pastilhas com uma estopa, logo após sua aplicação.
Para entender melhor o porquê dessa etapa, clique e relembre a explicação no post da bandeja.

Pinte o suporte de madeira do castiçal

Pintei a peça de madeira num estilo meio indiano, que era exatamente o que eu queria, para combinar com as pastilhas madrepérola. Amei o resultado!
Ela fica linda ao natural, e mais bela ainda com as velas acesas, que produzem um efeito maravilhoso nas pastilhas.

Detalhe do castiçal de mosaico aceso


Vero Kraemer eh colunista sobre mosaicos para a Vila do Artesão.
Visitem o Além da Rua Atelier e conheçam todo o seu trabalho.

Web Statistics